Recomendações

Certificado Internacional de Vacinação!

Postado em 2019-01-30 16:58 em Recomendações

Um novo sistema da Anvisa promete facilitar a retirada do certificado internacional de vacinação

Um novo sistema vem sendo testado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para tornar o processo de emissão do Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) mais simples e mais rápido.

O documento que é exigido por 135 países é um comprovante de que o paciente foi imunizado e está protegido da febre amarela e outras doenças e é uma forma de garantir a saúde humana e prevenir epidemias ou pandemias. Antes, o mesmo só poderia ser retirado pessoalmente em um Centro de Orientação da Anvisa, mas, a partir de ontem, 29 de janeiro de 2019, o CIVP pode ser emitido online e impresso em casa.  

Vale lembrar que o sistema ainda está começando e que está sujeito a falhas. Mas essa medida além de facilitar para o usuário também promete uma economia para quem precisava se deslocar até outro município para retirar a comprovação, por exemplo.

Os documentos exigidos para retirada são: CPF, Documento de Identidade e carteira nacional de vacinação ou comprovante nacional de vacinação (foto do arquivo digitalizada), salvo algumas exceções, como no caso de crianças que podem apresentar a certidão de nascimento, por exemplo. Quem perdeu a carteira nacional de vacinação e não possui nenhum comprovante de que foi vacinado, precisa retornar ao posto de saúde e solicitar uma nova via.

A retirada do CIVP  é gratuita e o documento não possui data de validade, já que a partir de 2017  foi regulamentado que só é necessário tomar uma dose da vacina de Febre Amarela. É importante se vacinar e solicitar a comprovação com antecedência para evitar que problemas e imprevistos atrapalhem a viagem. Para a vacina a exigência é de pelo menos des dias antes da viagem e o CIVP geralmente leva 5 dias úteis para ficar pronto.

Após a vacinação o cadastro deve ser feito no Portal de Serviços do governo federal e a solicitação passará por uma análise. Quando ocorrer o deferimento, o interessado receberá uma mensagem de confirmação, exigência ou indeferimento. Na exigência deve ser feito o que for solicitado e em caso de indeferimento é preciso reiniciar o processo. Depois, o  cartão deverá ser impresso e assinado. Nos casos em que a vacina é contra indicada, o paciente deverá apresentar o atestado médico de isenção de Vacinação em inglês ou francês.

Atenção! Para evitar transtornos causados pelo desconhecimento da atualização, certifique-se de que a embaixada do país que você irá visitar já aceita o novo modelo.

Fonte: https://www.servicos.gov.br/pagina-tematica/civp-digital?campaign=busca



Passagens
Hotéis
Pacotes
Ônibus
Carros
Seguro Viagem
 
Todos os preços em um só lugar!
Origem
Destino
Origem
Destino
Saída
Origem
Destino
Saída
Saída
Volta
Passageiros 1 Passageiro
Classe Econômica
Ainda não defini as datas